terça-feira, 2 de setembro de 2014

Prefeita autoriza início das obras de readequação da sala de parto do hospital e maternidade

Luana Bruno destacou a importância da obra no seu discurso
Em meio aos desafios da atual gestão, a saúde pública sempre foi a maior prioridade. Além de melhorias nas estruturas das unidades de saúde do município, para garantir ao paciente uma melhor qualidade no atendimento, a prefeita Luana Bruno (PMDB) tem investido na contratação de novos médicos e valorização dos profissionais que atuam no setor.

Nesta terça-feira, 2, às 14h, a prefeita Luana Bruno assinou a ordem de serviço para o início das obras de readequação da sala de parto do Hospital Sara Kubitschek e Maternidade Dr. Wilon Alves Cabral.
Prefeita reuniu secretários e gerente na assinatura
da ordem de serviço

Com isso, quando o setor estiver totalmente reestruturado e equipado, as gestantes não precisarão mais se deslocar para outras cidades para darem à luz a seus filhos.

Além da sala de parto, os serviços contemplam ainda as salas de cirurgia, R-X, cozinha e lavanderia. A previsão é de que tudo estará pronto no prazo de 30 dias, conforme estimativa feita por Elton Alves da Silva, da Condutec, empresa contratada para execução dos serviços, que inclui também reparos na estrutura do prédio.

Falaram na oportunidade, o vereador Aldo Dantas (PMDB), representando os edis presentes e o Legislativo municipal; o secretário de Serviços Públicos, Cleodon Bezerra; secretário de Saúde, Bruno Filho; e a prefeita Luana Bruno.

O secretário de Saúde Bruno Filho, que é médico, parabenizou a prefeita por estar viabilizando o funcionamento da sala de parto e acrescentou que também se sente parabenizado por fazer parte da equipe que realiza o procedimento. “Apesar da prefeitura não possuir recursos suficientes para montar um centro cirúrgico de alta complexidade, no momento, a gestão Luana Bruno está dando um grande passo pela eficiência na saúde pública municipal”, reforçou.

No seu discurso, Luana Bruno disse que aquele momento era especial, pois estava sendo dada a largada para o complexo hospitalar da cidade voltar a realizar partos depois de muitos anos sem contar com esse serviço.

A prefeita disse ainda, que “graças a Deus e o esforço de toda a equipe, agora as mães da nossa cidade terão a oportunidade de fazer constar no registro do seu filho a naturalidade areia-branquense”, acrescentando que “apesar do investimento financeiro que o município está fazendo, os principais fatores para a volta dos partos é a boa vontade do poder público, o empenho e a qualificação de todos os profissionais de saúde do município”.

O ato contou ainda, com as presenças do diretor do Hospital, Júlio César, secretários e gerentes da administração municipal, profissionais da saúde, vereadores e o povo em geral.
segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Câmara Municipal de Areia Branca retoma o calendário de sessões nesta terça-feira

Sandro Góis anuncia retomada das sessões
no plenário da edilidade
A Câmara Municipal de Areia Branca retomará na terça-feira, 2, a partir das 9h, o calendário de sessões ordinárias referente ao mês de setembro. De acordo com o cronograma divulgado pelo presidente Sandro Góis (PV), a última sessão do mês, dia 16, será realizada na comunidade do Freire, dentro do programa de interiorização dos trabalhos da Casa.

A gestão do presidente Sandro Góis à frente do Legislativo tem sido marcada por inovações no âmbito da Casa. Uma das grandes conquistas no período foi a instalação de uma Web TV que possibilita a transmissão ao vivo das sessões realizadas no plenário da edilidade.

Esse mecanismo estreita as relações entre o Poder Legislativo e a comunidade, difundindo as informações da Casa e inteirando os eleitores do trabalho desenvolvido pelo seu representante na edilidade.

HPV: meninas de 11 a 13 anos devem receber segunda dose da vacina

Segunda dose da vacina é essencial para garantir a
proteção contra o HPVMarcelo Camargo/Agência Brasil
Meninas de 11 a 13 anos que já receberam a primeira dose da vacina contra o papiloma vírus humano (HPV) devem receber, a partir de hoje (1º), a segunda dose. A imunização será feita em escolas públicas e particulares e também em unidades de saúde.

De acordo com o Ministério da Saúde, mais de 4,3 milhões de meninas nessa faixa etária já receberam a primeira dose em março deste ano. A segunda é essencial para garantir a proteção contra o HPV.

A vacina protege contra quatro subtipos do HPV (6, 11, 16 e 18). Os subtipos 16 e 18 são responsáveis por 70% dos casos de câncer de colo de útero, enquanto os subtipos 6 e 11 respondem por 90% das verrugas anogenitais.

Meninas que ainda não tomaram a primeira dose também podem procurar os postos de saúde. Para receber a segunda, basta apresentar o cartão de vacinação ou documento de identificação. A terceira dose será aplicada cinco anos após a primeira.

Em 2015, a vacina será oferecida para meninas de 9 a 11 anos e, em 2016, para meninas de 9 anos. O ministério reforçou a importância do uso do preservativo como proteção contra as demais doenças sexualmente transmissíveis e da realização do exame conhecido como papanicolau em mulheres a partir dos 25 anos.

O HPV é um vírus transmitido pelo contato direto com a pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual. Ele também pode ser transmitido da mãe para o filho no momento do parto. Estimativas da Organização Mundial da Saúde indicam que 290 milhões de mulheres em todo o mundo estão infectadas, sendo 32% delas pelos subtipos 16 e 18.

Em relação ao câncer de colo de útero, estudos apontam que 270 mil mulheres no mundo vivem com a doença. No Brasil, o Instituto Nacional do Câncer estima o surgimento de 15 mil novos casos este ano.

Agência Brasil
domingo, 31 de agosto de 2014

Pescador é preso acusado de abusar sexualmente de criança em Areia Branca

A Polícia Militar prendeu na tarde de ontem (30), um indivíduo acusado de praticar abuso sexual contra uma criança de 08 anos.
De acordo com o que divulgou a Polícia, o pescador Francisco Antonio de Mendonça, 55 anos de idade, natural de Rio Branco-AC, residente de Areia Branca, foi visto praticando atos libidinosos com uma menina no interior de uma casa abandonada no bairro Nossa Senhora dos Navegantes.
Populares perceberam os gritos da menor e resolveram adentrar no interior da residência. Ao perceber do que se tratava, alguns ainda agrediram fisicamente o acusado que terminou ferido.
A mãe da criança vítima do abuso acionou a Polícia Militar que prendeu o suspeito, encaminhando em seguida para a Delegacia de Plantão em Mossoró, onde o mesmo foi autuado por estupro de vulnerável e na sequência conduzido a cadeia pública daquela cidade.
A criança foi conduzida na presença de sua genitora para o Instituto Técnico-científico de Polícia (ITEP), para a realização de exame de corpo de delito.
sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Membros do Conselho Comunitário de Pedrinhas se reúnem com a prefeita e apresentam pleitos

Luana Bruno recebeu os representantes da comunidade no seu gabinete (Foto: Erivan Silva)
Parte da agenda de compromissos da prefeita Luana Bruno (PMDB) no dia de ontem, 28, uma proveitosa reunião foi realizada entre a gestora e integrantes do Conselho Comunitário de Pedrinhas, que antes pertencia à zona rural e hoje é um bairro da cidade.

No encontro, realizado em seu gabinete, a prefeita ouviu as revindicações feitas pelos líderes comunitários e prometeu que na medida do possível irá atender às solicitações feitas, haja vista serem todas de interesse coletivo e que serão traduzidas em benefício para a localidade.

A prefeita Luana Bruno, que disse ter ficado satisfeita com o encontro, prometeu aos membros do conselho que irá marcar uma nova reunião em Pedrinhas, mais ampla, para ouvir de perto os moradores daquele populoso bairro.

Audio Ao vivo

Carregando o player...

Rádio FM Costa Branca 104,3

Parcerias

Rede social

 
 
Tecnologia do Blogger.